Se fôssemos seguir a ordem de custo por m² deveríamos descrever agora o Stand Misto, que tem custo inferior ao Stand Construído e superior ao Stand Padrão, mas antes é preciso saber o que é um Stand Construído, pois o Misto é um derivado deste.

O stand construído é montado com sarrafos e painéis de madeira, que tanto pode ser pintado, como pode ser revestido com "n" tipos de materiais (fórmica, pvc, bagun, napa, plastico, etc), possui design avançado, com curvas e retas e com características modernas. Geralmente são stands que concorrem a prêmios de associações ou dos organizadores do evento.

Engana-se quem pensa que o stand construído é para grandes estruturas, pois é comum vermos stands construídos, pequenos e de muito bom gosto, com soluções criativas, refletindo fielmente a identidade do expositor e este, geralmente é um dos principais objetivos de marketing.

O stand construído, também pode ter prateleiras, vitrines, bancadas, balcões, vitrines de piso e tudo o que foi descrito no stand padrão, mas tudo isso elaborado com riqueza de detalhes e com acabamento superior, sempre de acordo com a identidade do expositor.

Uma das características do Stand Construído é a ampla possibilidade de ambientação, com áreas definidas e distintas, que levam em consideração o fluxo e a circulação dos visitantes, além de outros fatores, como a exploração maximizada do pé-direito (altura máxima permitida) do pavilhão, sendo possível, inclusive a montagem de mesanino, desde que, permitido no regulamento do evento.